Droga Krokodil: Conheça os efeitos na mente e no corpo

0 Comments 18:04

A droga krokodil é altamente perigosa para quem faz o uso, considerado uma das drogas mais mortais do mundo podendo trazer prejuízos irreversíveis. Uma droga clandestina que surgiu na Sibéria e Rússia Ocidental desde 1990, é uma droga de baixo custo podendo substituir a heroína trazendo efeitos mais devastadores que a própria heroína. A droga foi descoberta por médicos que recebiam pacientes com grandes hematomas escuros no corpo ou com exposição da carne viva.

Na droga pode se encontrar uma substância chamada desomorfina, produzida em laboratório sendo mais forte que a morfina. A droga pode levar uma pessoa a morte em aproximadamente dois anos de uso, o viciado poderá ficar bastante debilitado começando a perder algumas partes do corpo humano.

Por quanto tempo os efeitos da droga krokodil pode ficar no corpo?

 

A droga pode ser muito comparada com a heroína, contudo, seus efeitos são mais devastadores. Enquanto os efeitos da heroína é de 8 horas no corpo, a droga krokodil pode ficar aproximadamente 90 minutos. A mistura pode ser feita em casa, levando gasolina, heroína, solvente, codeína, iodo e fósforo vermelho. A droga pode ser injetada e em poucos minutos os efeitos de bem-estar pode ser gerada pelo dependente da droga krokodil.

 

Consequências da droga krokodil para quem faz o uso

 

O excesso das drogas no corpo e no cérebro faz com que o sistema de recompensa do adicto seja alto, o abuso de substâncias lícitas e ilícitas age diretamente no sistema nervoso central, fazendo com que a dopamina seja estimulada excessivamente. A dopamina é responsável por sentimentos de alegria, prazer e bem-estar, e o dependente químico procurará sentir tais emoções, pois seu sistema de recompensa foi afetado pelas drogas gerando vício.

Como foi descrito acima a droga krokodil foi considerado uma das drogas mais mortais do mundo, e em um curto prazo o adicto poderá morrer. Veja abaixo as consequências que substância ilícitas pode trazer a quem consome:

  • Pele esverdeada e escamosa
  • Úlcera na pele
  • Problemas nos vasos sanguíneos
  • Pele flácida no lugar que se faz a aplicação da droga
  • Necrose
  • Gangrena
  • Deformação na fase e no corpo
  • Ossos expostos
  • Problemas no sistema nervoso
  • Problemas no fígado
  • Problemas nos rins
  • Probabilidade de amputação
  • Infecções

 

Como realizar o tratamento para o vício em krokodil?

 

Apesar da droga não ser muito usada em solos brasileiros, é importante que todos tenham conhecimento. O usuário da droga krokodil pode se tornar uma pessoa bastante agressiva, e não buscará por ajuda, apenas quando os machucados estiverem prejudicando excessivamente sua pele. É importante que a família faça o processo de internação mesmo contra a vontade do viciado em narcóticos, pois suas ações e escolhas são tomadas de forma incontrolável tudo em decorrer de fazer o uso da droga.

Podemos descrever três tipos de internação, sendo:

Internação voluntária: O adicto deseja realizar a internação para se livrar das drogas.

Internação involuntária: O adicto não deseja fazer a internação e então a família poderá entrar com providência.

Internação compulsória: O adicto não tem escolha, o juiz responsável irá decidir se o adicto irá ou não para uma clínica de recuperação.

A única forma para se tratar do vício é em clínica de reabilitação, quando mais se fizer o uso, mas a situação ficará agravante. Inicialmente irão substituir uma droga por outra, até o adicto não precisar de fazer o uso e se recuperar. O dependente passará por um longo prazo do processo de abstinência, mas será necessário para ele conseguir conviver em sociedade sem o uso de drogas novamente.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Post

Compartilhar
Call Now Button
Enviar Mensagem
Estamos online