clínica psiquiátrica

Clínica Psiquiátrica | Internação Psiquiátrica

clínica psiquiátrica

Uma clínica de internação psiquiátrica é um ambiente totalmente qualificado para atender pessoas que tenham passado por uma crise psíquica grave. A internação psiquiátrica é um tratamento terapêutico que tem como objetivo ajudar o paciente a controlar a manifestação dos efeitos agudos da doença. O procedimento acontece como forma de evitar um comportamento perigoso tanto para si, quanto para quem esteja à sua volta. 

A internação pode ser recorrida em casos de tentativa ao suicídio, agressão, descontrole nas suas próprias ações e em casos de dependência química grave em substâncias psicoativas. A internação em uma clínica psiquiátrica é um procedimento que exige cautela e supervisão 24 horas por dia, além de ter disponível na unidade uma equipe multiprofissional da área da saúde especialista nos problemas psíquicos apresentados na instituição. 

Pensar em uma internação psiquiátrica gera dúvidas e por muitas vezes medo, o assunto não é discutido com frequência na sociedade e no artigo de hoje iremos falar sobre como funciona o tratamento, quando é necessário realizar a internação, as formas de iniciar o tratamento, quanto tempo demora para realizar o procedimento, as probabilidades de cura para doenças psíquicas, como funciona a visita na instituição e a importância do familiar no tratamento. Continue a leitura e tire todas as suas dúvidas!

 

Como funciona o tratamento em uma clínica psiquiátrica?

 

Quando uma pessoa inicia o tratamento, o paciente será acompanhado por médicos psiquiatras, psicólogos, teólogos, musicoterapeutas, enfermeiros, supervisores, neuropsicólogos, assistentes sociais, educadores físicos e nutricionistas. A clínica psiquiátrica é responsável por individualizar e humanizar cada atendimento, o primeiro passo após a chegada do paciente é realizar uma avaliação médica para definir as necessidades particulares de cada indivíduo. 

Por meio do diagnóstico e o histórico do paciente, serão realizados as medicações necessárias, terapias comportamentais individuais ou em grupos e terapias de neuroestimulação. Para cada clínica psiquiátrica, haverá um procedimento e uma rotina específica, é necessário que o familiar tenha conhecimento de como funciona o tratamento na clínica psiquiátrica. O ambiente tem como objetivo promover uma melhor qualidade de vida, mesmo em meio as adversidades. 

 

Quando é necessário a internação psiquiátrica?

 

Recorrer ao procedimento por muitas vezes pode ser invasivo, o indivíduo ao ir para unidade pode ter cometido alguma ação impulsiva e inconsequente, ter colocado a vida de alguma pessoa em risco, tentativa de suicídio, dependência química crônica grave e descontrole físico e emocional. Para casos específicos a internação voluntária, como o consentimento do indivíduo pode acontecer. Estar ciente do seu problema e querer controlar suas próprias ações, beneficia para que o paciente tenha uma boa qualidade de vida.  

 

Lembre-se que a clínica psiquiátrica é um procedimento terapêutico que tem como intuito ajudar o paciente a controlar a crise psíquica. Por muitas vezes, apenas a ajuda familiar não é o suficiente. A existência de transtornos psíquicos crônicos lamentavelmente não tem cura, a opção coerente e mais assertiva é realizar um tratamento com ajuda de especialistas da área da saúde, além de realizar medicações necessárias recomendadas por um médico psiquiatra. 

 

Internação voluntária, involuntária e compulsória: As três formas de buscar o tratamento em uma clínica psiquiátrica

 

A busca para iniciar o tratamento em uma clínica psiquiátrica começa inicialmente por meio da família. A forma pelo qual um indivíduo chegará na instituição faz com que os familiares fiquem em dúvida, abaixo explicaremos melhor como funciona cada procedimento. Acompanhe a leitura e tire suas dúvidas:

Internação voluntária: Todos já tem o conhecimento da existência do problema psíquico do indivíduo. Geralmente o médico psiquiatra recomenda a internação, e o paciente entende que é necessário recorrer ao procedimento. A internação voluntária acontece com o consentimento do paciente, iniciando o tratamento para evitar possíveis consequências futuramente. 

Internação involuntária: O indivíduo geralmente está em surto e em meio ao desespero tudo acontece rapidamente. O paciente pode lutar contra a internação, mais os familiares percebem que o melhor a se fazer é iniciar o tratamento com uma internação involuntária para controlar um comportamento perigoso e fatal. 

Internação compulsória: A internação compulsória acontece para casos que tenham a presença de dependência química, seja por cocaína, crack e dentre muitas outras substâncias psicoativas. O uso compulsivo de drogas destrói os neurônios e provoca graves problemas psíquicos, além das crises de abstinência. A internação compulsória é um procedimento totalmente invasivo, que acontece por meio de uma decisão judicial e um laudo médico, independente da opinião do adicto. 

 

Demora aproximadamente quanto tempo para realizar uma internação em uma clínica psiquiátrica?

 

A definição do período em que o paciente ficará internado, cabe apenas à um médico psiquiatra especialista no assunto. Mas de forma geral, é importante levar em consideração a gravidade da doença. A internação voluntária e involuntária pode ter um tempo indeterminado, já a internação compulsória é um procedimento específico, e por tem apoio do Sistema Único de Saúde (SUS), a internação tem um prazo determinado de apenas 3 meses. 

Quando o paciente entrar na instituição, após o diagnóstico exato e a sua evolução, será determinado o período em que ficará internado. De forma geral, para cada procedimento à um tratamento e diagnóstico, tudo dependerá da evolução do próprio paciente.

Problemas psíquicos tem cura?

 

O significado da palavra cura é o restabelecimento da saúde, seja física ou mental. Quando uma pessoa realiza algum tratamento, independente de qual seja o problema, o intuito sempre será receber a cura, ou seja, não haver mais a existência do problema apresentado. Por mais que não tenha a probabilidade de cura, é necessário realizar um tratamento adequado para que a doença se torna estável e estabeleça uma vida sem muitas adversidades e complicações. Quando alguma doença é diagnosticada como crônica, infelizmente não há probabilidade de cura. Quanto antes houver um tratamento seguro e responsável, maior a probabilidade de controlar o problema psíquico. 

 

É possível receber visitas em uma clínica de psiquiatria?

 

É possível sim realizar uma visita, é até benéfico que o paciente receba apoio emocional em um momento delicado. Para que isso aconteça é necessário que os familiares busquem saber os dias e horários de visita, buscando sempre dialogar e ouvir o paciente quando necessário, validando a sua opinião e forma de pensar. 

A negligência familiar pode causar problemas no período de tratamento à um indivíduo, em meio aos argumentos apresentados, quando realizar uma internação de algum familiar busque frequentemente realizar uma visita em sinal de apoio e força ao paciente. Tenha uma boa comunicação com os profissionais disponíveis na instituição!

 

A importância do apoio familiar no tratamento

 

A família do paciente deve ter em mente que não é apenas uma internação em uma clínica psiquiátrica que será a resolução de todos os problemas. Pelo contrário, por mais que o ambiente seja adequado para atender as necessidades físicas e mentais de um indivíduo, quando o problema é crônico, não há a probabilidade de cura. Durante o tratamento o apoio familiar é de fato extremamente importante. 

As visitas estabelecem uma relação de apoio e proteção, tudo o que o paciente precisa naquele momento. E para casos extremamente graves, o auxílio familiar será para o resto de sua vida. É necessário cuidado médico e supervisão de pessoas especiais no procedimento, se você deseja realizar uma internação em uma clínica psiquiátrica, siga a recomendação do especialista da área da saúde, faça amplas pesquisas dos lugares mais adequados. Lembre-se, a internação em uma clínica psiquiátrica é um procedimento terapêutico que tem como intuito ajudar uma pessoa a controlar a sua crise psíquica. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Enviar Mensagem
Estamos online
Olá 👋
Podemos te ajudar?
Call Now Button